Por Camilla Paiva em coautoria com Lorranny Sousa

O plano de desenvolvimento de uma empresa deve contemplar iniciativas de treinamento e desenvolvimento que promovam a liberação do potencial dos colaboradores para alcance dos objetivos traçados pela organização.

Neste plano, orientamos a criação de trilhas de desenvolvimento que elevem a expertise técnica e comportamental da equipe, além do conhecimento acerca do negócio.

O primeiro passo para construir um plano de desenvolvimento que leve sua empresa ao alcance de suas metas, é mapear como a organização quer ser reconhecida no mercado, onde pretende chegar e suas estratégias. A principal estratégia a ser mapeada é a que responde a pergunta:

“Qual é a razão pela qual os clientes optarão pelo serviço e/ou produto da sua empresa em detrimento do seu concorrente?”.  

O plano de desenvolvimento precisa desenvolver os comportamentos, habilidades e atitudes necessárias para que a empresa alcance seus objetivos estratégicos e fortaleça a cultura.

A missão da trilha de desenvolvimento deve ser desenvolver, nos colaboradores, as competências essenciais para o negócio, de modo que tanto a empresa como os colaboradores alcancem seus objetivos.

O segundo passo é realizar um levantamento de necessidades de treinamento e desenvolvimento consistente.  Você conhece os pontos fortes e as lacunas técnicas e comportamentais de suas equipes? Os colaboradores compreendem, de forma sistêmica o negócio?…

O levantamento de necessidades de treinamento e desenvolvimento deve responder quais são os conhecimentos, as habilidades e atitudes precisam ser desenvolvidas ou até mesmo adquiridas para levar a empresa à vitória.

Estratégias Para Levantamento de Necessidades de Treinamento

Para executar um levantamento de necessidades de treinamento consistente, analise:

  • O Planejamento Estratégico: devem ser observadas as competências que precisam ser desenvolvidas para execução das estratégias previstas. Devem ser observadas ainda quais necessidades de treinamento e desenvolvimento estão previstas na perspectiva “pessoas” ou “aprendizado e crescimento”.
  • O Jeito de Ser: deve-se verificar se os comportamentos atuais estão coerentes com os comportamentos esperados pela empresa. O plano de desenvolvimento deve fortalecer os comportamentos desejáveis e coerentes com a cultura da empresa.
  • Os Resultados dos Indicadores de Performance: a partir dos resultados dos indicadores de performance, deve-se investigar quais ações de treinamento e desenvolvimento que, se realizadas, alavancariam resultado.
  • As Avaliações de Desempenho: os resultados da avaliação de desempenho bem como os Planos de Desenvolvimento Individual (PDI) devem ser observados. Existe necessidade de análise de causa e efeito da performance, assim como observação de padrões de desempenho. Identifique também as competências que mais precisam ser fortalecidas e não as deixe de fora do plano de desenvolvimento.
  • A Pesquisa de Clima: as pesquisas de clima podem sinalizar necessidades de desenvolvimento diversas, em especial relacionadas à comunicação e à necessidade de desenvolvimento da liderança.
  • As Entrevistas de Desligamento: As entrevistas de desligamento podem evidenciar necessidades de treinamento e desenvolvimento, por isso, é fundamental que elas sejam consolidadas e utilizadas para planejamento do plano de desenvolvimento.
  • As Pesquisas Diversas com os Colaboradores: É preciso ouvir os colaboradores para identificar suas percepções sobre quanto se sentem preparados, bem como suas dificuldades. Isso pode ser realizado através de pesquisas online ou através de definições de amostras por setor.
  • As experiências de Benchmark: a análise de outras práticas de mercado pode despertar a necessidade de atualização das trilhas de desenvolvimento, por isso, adote esta prática e estimule toda a liderança a também adotar.
  • As Entrevistas com os Líderes: compreender os desafios dos líderes, tanto os de suas equipes, como os deles mesmos é fundamental para melhorar a experiência como para alavancar os resultados esperados através do plano de desenvolvimento.
  • O Turnover: áreas com alto turnover, em que não se é possível identificar o motivo da rotatividade através das entrevistas de desligamento, devem passar por diagnóstico, pois podem revelar necessidade de treinamento e desenvolvimento, seja dos colaboradores ou da liderança. Trabalhe a causa raiz da rotatividade no plano de desenvolvimento.
  • Falhas Frequentes: erros ou retrabalhos frequentes podem revelar necessidade de capacitação técnica e, por isso, líderes e RH devem estar atentos.

Após levantar as necessidades de treinamento e desenvolvimento, consolide os dados, optando pelas competências evidenciadas e que levarão a empresa rumo a seus objetivos.

Fique ligado! Em breve disponibilizaremos uma ferramenta para consolidação, análise e priorização das necessidades de treinamento.

Após o levantamento de necessidades de treinamento e a priorização das competências a serem desenvolvidas; escolha as melhores metodologias a serem utilizadas para treinar e desenvolver seus colaboradores, criando o  plano de desenvolvimento.

Para cada cargo (ou grupos de cargos) deve ser criada uma trilha com iniciativas de treinamento/desenvolvimento que contemple as competências previstas. Cada trilha deve contemplar de 3 a 6 iniciativas que deverão ser executadas em 12 a 24 meses.

Após validação da trilha de desenvolvimento com seu respectivo orçamento, execute o que foi planejado e monitore os resultados através de análises qualitativas e quantitativas. Calibre as trilhas de desenvolvimento frequentemente, se mantendo atento à atualização das necessidades de treinamento e desenvolvimento dos negócios.

Aplique nossas orientações, comemore as conquistas e compartilhe conosco suas experiências. E se você quer um apoio maior para incorporar novos treinamentos e novas práticas de Gestão de Pessoas em sua empresa, fale com a Accelere. Temos as soluções ideais para o seu negócio!

Open chat